Voltar

Sem Lactose

Kombucha: um excelente alimento para os intolerantes

Rico em probióticos que, em geral, são encontrados no leite e seus derivados, o kombucha substitui muito bem a função dos laticínios no sistema gastrointestinal.

O kombucha é uma bebida feita a partir de chás adoçados que são fermentados por leveduras e bactérias que fazem bem à saúde. É indicado para o fortalecimento do sistema imunológico e para a melhora do funcionamento intestinal. Por se tratar de uma bebida probiótica, nela se encontram inúmeros lactobacilos vivos, microorganismos essenciais em diversos processos do corpo. Eles atuam diretamente na flora intestinal, evitando problemas como diarreia e prisão de ventre.


A grande questão é que os probióticos, em geral, são encontrados no leite e seus derivados. Por isso, o kombucha é indicado, especialmente, para as pessoas que possuem intolerância à lactose. 


Com a popularização da bebida, já é possível encontrá-la em supermercados. Listamos aqui mais alguns benefícios que o kombucha pode trazer:


  • Contribuir para emagrecer, pois regula o apetite;
  • Combater a gastrite por atuar eliminando a bactéria H.pylori, umas das grandes causadoras do mal;
  • Prevenir infecções intestinais por combater outras bactérias e fungos que causam doenças no intestino;
  • Atuar como desintoxicante por se ligar a moléculas tóxicas no organismo e estimular sua eliminação pela urina e pelas fezes;
  • Aliviar e prevenir problemas como gota, reumatismo, artrite e pedras nos rins, já que desintoxica o organismo;
  • Equilibrar o pH do sangue, o que deixa o corpo naturalmente forte para prevenir e curar doenças;
  • Reduzir o estresse e combater a insônia, sendo uma boa opção para períodos de maior stress, dificuldades ou provas;
  • Reduzir a dor de cabeça e a tendência à enxaqueca;
  • Fortalecer o sistema imunológico por ser rico em antioxidantes;
  • Prevenir doenças como diabetes e câncer porque melhora o funcionamento de todo o organismo;
  • Normalizar a pressão arterial;
  • Diminuir os sintomas negativos da menopausa.